PIB de Minas Gerais cresce em 2017

Segundo a Fundação João Pinheiro, depois de ter interrompido a sequência de oito trimestres consecutivos com variação negativa, com desempenho estável no primeiro trimestre deste ano (em relação ao trimestre imediatamente anterior), o PIB mineiro apresentou resultado positivo.
No segundo trimestre de 2017 houve expansão de 1,7%, em termos reais, em relação ao primeiro trimestre do ano, considerando a análise da série com ajuste sazonal.

O secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães, comemorou os resultados. “É importante ver a economia do Estado crescer para que possamos melhorar os serviços prestados. Vamos continuar trabalhando para diversificar a economia mineira e reduzir a dependência de commodities”, disse.

Com um crescimento real de 1,4%, acima dos índices de inflação, em 2017, Rondônia é o destaque na Região Norte do Brasil, figurando como o Estado que mais contribuiu para o Produto Interno Bruto Nacional (PIB) na região, marcado pelo desempenho da sua agropecuária.

O Mapa do Desempenho do PIB dos Estados divulgado pelo Santander dá uma dimensão real de como está a economia brasileira em 2017.

De acordo com o secretário de Finanças (Sefin), Wagner Garcia, a divulgação pelo  Banco Santander, mesmo não sendo oficial, é motivo de muita satisfação para o Governo de Rondônia, pois premia o esforço da Administração que conjuga bem lisura e austeridade com boas práticas administrativas, resultado do desafio que é o projeto de governança pública em curso, que promove a modernização do sistema estatal de gestão, sem desperdício e com visão empreendedora e sustentável. O destaque rondoniense em sua visão corrobora o acerto do Governo na aplicabilidade e no resultado do conjunto de suas políticas públicas dirigidas a todos os setores, e principalmente ao agronegócio.

Leia outras notícias.

Ou entre em contato direto conosco.